81 Comentários

  1. Desiree

    Oi minha filha tem 46 dias de vida ela esta internada faz 1 semana novamente descobriram q ela tem o erro inato do metabolismo
    Ela toma remedio pra convulsao desde de quando nasceu ja tinha estamos aguardando mais exames
    Se alguem quiser me adicionar no whats pra poder conversar 51985809674 estou bem perdida n entendo ainda o q se passa mais sei q ainda tem muitos exames pra fazer e outras doenças pra descobrir

    Responder

  2. A cromatografia dos aminoácidos quando está inferior ao valor de referência, quer dizer que, é um deficiência. Mas quando é superior ao valor de referência significa dizer que é um erro inato do metabolismo?

    Responder
  3. aline

    Ola ha um ano perdi me filho com 2 anos de idade portador de KRABBE. gostaria de saber se existe algo a ser feito para Que EU mum futuro posse ter outro filho. Isso tem cura? Tem tratamento?
    Obrigada

    Responder
  4. francini balduina

    Boa noite alguém pode me ajudar tenho bebê com 1 ano e 7 mês com alteração pra EIM acido sebacico tem alergia alimentar múltiplas e grave e atrofia cerebral frontal polar bilateral temporal não fechamos diagnóstico ainda estou desesperada pois ja fez muitos quadros graves inclusive sepcemia agora esta com hipoglicemia e febre constante se nega tomar o seu único alimento neocate lcp. Alguém aqui passa por isso me ajudem

    Responder
    1. Luciete

      Oi de onde vice e …descobri que meu filho de 1 ano e 2 meses tá bem. Tem em mente adicionar no wat Zap pra conversar mos 091 991016821 alguém que tenha grupos pode me colocar preciso conversar com alguém…troca idéias sobre isso

      Responder
  5. THAINA Luiza

    Oi Cris, tudo bem?
    Meu nome é Thaina e perdi minha filha a 2 meses ela veio a falecer com 33 dias de vida. Veio para casa quando derepente deve um crise aguda. Foi para o CTI ficou 18 dias internada estava ótima exames tudo ok quando do nada teve 3 paradas cardíacas, recuperou das 3 e estava bem quando do nada novamente teve outra e não resistiu. Tive assistência de uma médica ótima que corrir atrás que chama Dr.Eugenia Valadares está medicada mais aconteceu mandei os exame para Porto Alegre que e o centro especializado e deu apenas lactato alto. Então a me Dr.Eugenia quer fazer o acompanhamento comigo e iremos fazer mapeamentos genéticos por suspeita de doenças mitocondrial. Estou fazendo um projeto para mostra as pessoas mais sobre essa doença fazendo rifas para doação na causa. Gostaria de ter mais material sobre as doenças mitocondrial, e que me ajudasse a saber se em BH tem ongs para mim poder ajudar pessoas que estejam nessa luta.

    Responder
    1. Fernanda

      Ola meu nome é Fernanda meu filho foi diagnosticado com Eim .
      Estamos em são paulo ele tem 37 dias de vida. Meu numero é (11)974011872 esta em tratamento mas não esta fazendo muito efeito. O problema dele faz com que junte amônia no sangue e a amônia agride o celebro.
      É desesperador. Fico aguardando seu contato.

      Responder

      1. Fernanda, espero encontra-los bem. Em São Paulo tem bastante profissional especialista em EIM, se quiser me ligar fique à vontade meu celular é (47) 9979-9897! Beijo. Cris

        Responder
        1. Ana Paula

          Oi tenho uma filha com suspeita de eim gostaria q me add no watss 035984543209

          Responder
  6. sabrina

    Bom dia, por favor, qual médico diagnosticou EIM na sua filha?

    Algum com consultorio particular?

    pode me indicar?

    obrigada

    Responder

    1. Bom dia bença aonde conseguiram fazer os exames de minha filha foi coletado no hospital do imip e mandarão pra belo horizonte e no imip existe um centro chamado cetreim onde minha filha esta em acompanhamento

      Responder

      1. Gostaria de saber se tem alguma mae que tenha filho portador de eim >defeito no ciclo da uréia que possa conversa comigo whats 81>99526-2158

        Responder

        1. Eduarda, não sei se você chegou a dar uma pesquisada no Facebook nos grupos de pessoas com EIM, se ainda não vale a pena, são muitas pessoas e muitos casos semelhantes, as experiências são enriquecedoras. Beijos

          Responder
        2. Vanessa Cavalini

          Oi boa noite
          Meu nome é Vanessa moro em juina Mt
          E tenho uma filha de 5 ela uma doença no ciclo da ureia
          Meu celular e 66 99624 8097
          Tente esse ntúmero é não consigo casa queria conversar comigo entre em contato
          Obrigado

          Responder
  7. Marjorie

    Boa noite.Cris tive 2 gestaçoes com bebes de 37 semanas,eles nascem e morrem depois do parto ja andei por muitos medicos e nao consigo obter diagnostico,depois de uma palestra do EIM comecei a querer conhecer melhor pois tento achar uma resposta,vc teria imagens de bebes com a sindrome ,caracteristicas fisicas e fisiologicas p mim poder comparar com as dos meus bebes?agradeço

    Responder
  8. Patrícia

    Olá meu nome é Patrícia da Silva tenho uma bebe de 8 meses ela está com suspeita quase q confirmada de eim. Tem retardo no desenvolvimento neurológico ainda não sabe sentar nem leva as coisas a boca. Tem uma leva atrofia cerebral e uma suspeita d traquimalacia um problema na traqueia gostaria de conversar com mais mães a estao nessa situação tipo pra eu poder aprender mais e passar meus pouco a conhecimentos adquiridos nesses 8 meses obrigada meu e-mail pati_pds@yahoo.com.br quem quiser me manda e-mail e se tiverem whats me add

    Responder
    1. Ana Paula

      Oi sou Ana Paula tenho uma filha com suspeita de eim,ainda nao sei bem o que sugnifica mas gostaria q me add no watss p eu ficar mais por dentro 035984543209

      Responder
  9. Brenda

    Tenho um filho recém nascido com suspeita de EIM .ele tem poblema d hipoglecima, convulções,e ele tambem é muito ipoativo.Tem chances do meu filho virar uma criança normal?

    Responder

    1. Querida Brenda, não tenho a resposta exata para a sua pergunta! Sei que é uma aflição conviver com algo desconhecido e que atrapalha na saúde e desenvolvimento dos nossos filhos…mas, só eles poderão nos dar as respostas que tanto buscamos. Essas crianças são guerreiras, são fortes, são lutadores natos e é por eles, só por eles, que não devemos aceitar qualquer sentimento ou pensamento de derrota. Eles sempre serão vencedores. O que podemos fazer como mães é procurar as melhores opiniões médicas, realizar todos os exames possíveis e buscar tudo o que tiver ao nosso alcance para melhorar a vida dos nossos filhos, o resto tá nas mãos de Deus. Confie minha querida.

      Responder
    2. Renata vilhegas

      olá como esta seu filho? o meu tem 44 dias e está internado com suspeita eim ainda estão fazendo exames, é uma dor muito grande esta sendo muito difícil.

      Responder
    3. Renata vilhegas

      Oi Brenda vcvom esta seu filho? o meu está internado e com suspeita eim de hiperglicemia nao cetotica ele tem convulsões de difícil controle, fiz os exames de liquor e plasma estou aguardando o resultado.

      Responder
        1. Luciete

          Oi de onde vice e …descobri que meu filho de 1 ano e 2 meses tá bem. Tem em mente adicionar no wat Zap pra conversar mos 091 991016821 alguém que tenha grupos pode me colocar preciso conversar com alguém…troca idéias sobre isso

          Responder
  10. Dany

    Oiii. Preciso muito conversar com alguém q já passou ou está passando pela mesma situação q eu,tenho uma filha de 8 meses ela tem eplepsia grave rara e há um mês descobri q ela tem EIM a doença e hiperglicenemia ñ cetotica, se alguém já passou por isso me responda por favor

    Responder

    1. Dany, espero que esteja tudo bem por ai. Geralmente casos raros ou mais complexos que o normal (gripe, virose, pedra no rim, estomatite, amigdalite, etc..) fazem com que cada criança/paciente tenham reações de uma forma diferente, penso que por isso seja tão difícil o diagnóstico imediato. Acredito que a experiência que mais poderemos trocar são aquelas que todas as mães que descobrem que seus filhos são especiais e precisarão de cuidados especiais passam, ou seja, o medo do incerto, do desconhecido, medo do hoje, do amanhã, são as respostas para as nossas revoltas, nossos conflitos diários, nossas dores e também nossas alegrias, conquistas, nossos sucessos, nossas realizações…enfim, experiências essas que para mim foram riquíssimas e me ajudaram demais no processo de aceitação e compreensão das limitações da minha Gabi. Se precisar deste tipo de ajuda conte comigo! Boa sorte com a sua pequena, tenha fé em Deus e nos seus propósitos. Um beijo com carinho.

      Responder
    2. Renata vilhegas

      olá meu filho está com suspeita eim hiperglicemia não cetotica esta internado no pronto baby RJ fazendo exames ele tem 44 dias de vida , como esta seu filho Dany?
      Meu bebe estava tendo convulsões direto.

      Responder
    3. Renata vilhegas

      Dany estou passando por isso meu filho está internado pode me chamar no tel 21 98654-2141.Renata

      Responder

    4. Oi Dani
      Gostaria de saber quais exames foram feitos de sua filha q deu esse diagnostico.
      Tenho um filho q tem uma eplepsia de dificil controle desde os 6 meses de vida e os exames dele deu q ele tem uma eim , mas mesmo com dietas e anticonvulsivos ele nao fica sem crises.
      Talves vc possa me ajudar. …

      Responder
  11. Jessica Gonçalves da Silva Borges

    Olá, gostaria de saber sobre alterações no exame de cromatografia de aminoácidos em camada delgada na urina e de oligossacaridios na urina. O do meu filho deu alterado e não sei o que fazer. Gostaria de uma orientação.
    Obrigada

    Responder

    1. Olá Jéssica, tudo bem? Acredito que, pelo exame que citou, você já deve ter procurado um médico. A única coisa que posso te orientar é que procure um médico especialista em Erros Inatos do Metabolismo, Geneticista ou Neurologista. Qualquer uma dessas 3 especialidades lhe auxiliará e orientará sobre o que você deve fazer com relação ao que foi detectado no exame. Hoje existem muitos centros de estudo e pesquisa no Brasil para aprofundamento de diagnósticos, após procurar um médico, faça algumas buscas na internet sobre centros de referências neste assunto. Espero que tenha sucesso. Grande abraço, Cris

      Responder
  12. julio cesar coelho

    sou pediatra e recentemente em berçário tivemos um caso suspeito de EIM . trabalho na cidade de maua e pelo sus não há como investigar este tipo de doença descobri pela internet uma ong que realiza exames e da toda assistência a pacientes de eim gratuita o nome dela é instituto canguru [www.institutocanguru.org.br] fica em são Paulo.

    Responder

    1. Dr. Júlio é uma enorme satisfação receber a sua mensagem! Já anotei a sua dica e coloquei o site como referência do nosso blog. Obrigada pela informação!

      Responder

  13. Minh bebê deu alterações no erro inato do metabolismo to desesperada pq ela ta mantendo um grau de febre alta mais de 45 dias e não consegui um geneticista rápido o q pode levar a essa alteração Minh filha tem epilepsia grave muitas crises convulsivas ja não sei mais o que fazer exame ácido glutamico 399,6 normal e de 10 e 133 me ajude

    Responder
  14. RENATA MARTINS

    Meu sobrinho chama Lorenzo e tem 1 ano e 8 meses. Ele acabou de fazer um exame de EIM que deu positivo para reação do cloreto férrico. Você pode me enviar o que tem sobre isso? Meu e-mail é martinsre@msn.com obrigada

    Responder
  15. lisia silveira

    Olá! Meu nome é Lisia tenho 3 filhos, 2 com suspeita de EIM. A menina de 12 anos tem hipoglicemia e o menino além da hipoglicemia, sempre abaixo de 50 tem também triglicerideo altíssimo, média 950, moro no interior do estado do RJ, não tenho mais aonde procurar diagnóstico e tratamento aqui, não sei mais o que faço, os médicos só me falam das consequências, pancreatite aguda, doenças cardiovasculares, etc. Se vc puder me ajudar me dando uma luz de um lugar aonde eu possa descobrir exatamente o que eles têm e prevenir o pior na vida dos meus filhos eu nem sei como agradecer!

    Responder

    1. Oi Lisia, infelizmente há profissionais médicos que não sabem ajudar da forma como precisamos não é mesmo? Acredito que você pode começar buscando por centros especializados no problema dos seus filhos, ou seja, EIM. Quando suspeitamos que o caso da Gabi era EIM procuramos a USP de Ribeirão Preto, levamos a Gabi lá e tudo o que fizemos foi pelo SUS, só gastamos com passagens aéreas. Eles são pesquisadores e possuem muita experiência clinica além de interesse em ajudar quando há ausência de diagnóstico, a médica especialista em EIM (doenças mitocondriais que é o caso da Gabi) chama Dra. Claudia Ferreira da Rosa Sobreira. Boa sorte!

      Responder
    2. Isabela

      Oi Cris!
      Tenho um menino com 2 anos ele começou com crises de hipoglicemia, com 1 ano e 8 meses, o pediatra me indicou uma Endocrinologista, que pediu para monitorar a glicose durante 15 dias, nesses dias a glicemia tava 29, 35, 50, 80, fizemos varios exames d sangue, e que estavam dentro da normalidade…
      Ela me indicou uma Neurologista, q pediu um preto exame de Exoma( DNA, sequenciamento genético), estamos esperando o convênio liberar para fazer…
      Mas em quanto não temos o diagnóstico, é para monitorar a glicemia, colocando maizena nas refeições, para não deixar ele ter uma convulsão…
      Meu menino é uma criança forte, que se alimenta muito bem. Teve o crescimento e o desenvolvimento normal…
      Essa Neurologista é muito boa aqui de Belo Horizonte, ela é especialista em doenças de erros inatos do metabolismo

      Responder
      1. Camila Caldeira

        Você conseguiu a liberação desse exame pelo convênio? A médica da minha filha solicitou esse exame hoje e não sei como vou fazer….o valor é exorbitante!

        Responder
    3. Tatiana

      Olá, minha filhinha que virou um anjo a um mês tinha erro Inato de metabolismo, e existe no Hospital do fundão um Centro que cuida disso, se quiser mais informações pode me mandar um whatsapp que te falo.

      tel 21 96863-8923

      Fique com Deus
      Tatiana

      Responder

      1. Olá Tatiana, não consigo imaginar o tamanho da sua dor pela perda da sua filha, espero que Deus lhe de conforto sempre. Quero essas informações sim, todo tipo de ajuda é bem vinda e obrigada por compartilhar conosco. Gostaria de te pedir uma gentileza se possível, fiz um post alguns meses atrás (http://meuanjogabriela.com.br/indicacoes-de-medicos-corrente-do-bem/) convidando todas as pessoas que já passaram por algum médico que tenham gostado e que portanto pudessem indicar (de preferência Neurologista, Geneticista, Especialistas em EIM), deixasse neste post uma mensagem com os dados de contato deste profissional a fim de que outras pessoas pudessem se beneficiar dessa informação tão preciosa. Para que a sua dica possa alcançar o maior número de pessoas possíveis, pediria a gentileza de deixar lá nos comentários deste post os dados de contato deste centro do Hospital do Fundão. Caso seja complicado pra você acessar o post, pode me enviar as informações através do fale conosco (aqui do blog mesmo) que eu mesma me encarrego de fazer a inclusão para você. Obrigada mais uma vez pela ajuda. Fique com Deus!

        Responder
  16. Juliana

    Olá, eu sou fisioterapeuta e acabo de iniciar o tratamento de estimulação precoce com uma criança de 8 meses com suspeita de EIM, como eu trabalho em uma cidade muito pequena de MG e com poucos recursos e a família da criança é muito simples e sem condições financeiras gostaria de saber se alguém poderia me indicar algum centro especializado que atenda pelo sus?

    Responder
  17. Joelson Carlos

    Ola!!
    tenho duas meninas gêmeas identicas de 8 meses, estão com suspeita de deficiencia em arginina. estão normais elindas, mas estou preocupado , se vc puder me mandar mais esclarecimentos eu agradeço, se puder tambem mandar o contato de algum medico aqui em brasilia que possa me esclarecer e fazer outros exames….agradeço!!!!estamos sendo acompanhados mas não foi feito nenhuma restrição alimentar…não sei o q faço.

    Responder

  18. Btarde, Cris.
    Ótimo seu site, mto esclarecedor. Sou técnica de enfermagem no Espirito Santo, e estamos com uma criança com um possível diagnóstico de EIM. Pode mandar material para estudarmos melhor e se conhece outros centros fora de São Paulo. Obrigada pela atenção.

    Responder

    1. Olá Rosana, obrigada! O único material que tenho é o que disponibilizei no blog, entretanto, como as solicitações de material são inúmeras, entrarei em contato com o médico da Gabi para ver o que consigo com ele. Se tiver mais alguma coisa eu lhe envio. Beijos e boa sorte! Cris

      Responder
  19. Janaina Maria de Araujo Tsei

    Alguem poderia por favor me ajudar:
    Tenho uma filha de 18 anos e um filho de 11 anos ,os dois foram diagnosticados com Mitocondriopatia (miopatia congenita ),porém depois de muitos exames por uma excelente equipe do Hospital SãoPaulo ,fui informada que eles não podiam fazer mais nada devido se tratar de uma doença muito nova que de acordo com eles não pode ser identificada ,pois deve ocorrer entre os mitocondrios.
    Meu filho de de 11 anos tem crises de falta de ar ,do nada ele perde a cor e tem dificuldade para respirar ,mais os exames dão sempre normais.(o único exame alterado é a biopsia muscular).Ele não pode correr ,subir escadas ,brincar ,tudo cansa e faz com que ele sinta dores.
    Mais minha filha de 18 anos é ainda mais preocupante.
    Desde os 6 anos ela sentia muitas dores nas pernas,os médicos sempre diziam que era dor do crescimento,ela foi crescendo a dores das pernas se espalhando e suas pernas enfraquecendo,em um só ano ela engessou a perna 6 vezes ,pois a perna falhava e ela torcia o pé ,muitas vezes trincando o tornozelo.
    Depois de muita procura ,chegamos ao hospital das clinicas ,ela foi diagnosticada aos 14 anos com fibromialgia ,nessa ocasião me mudei para Presidente Prudente ,interior de São Paulo ,ao levá-la ao reumatologista para continuar o tratamento ,o médico me disse que ela não tinha fibromialgia e sim alguma doença genetica ,voltamos para São Paulo ,com muito custo conseguimos passar no hospital São paulo ,foi solicitado exame para doença de Pompe e biopsia muscular ,a biopsia constatou mitocondriopatia,mais o pompe deu negativo .
    O problema é que o médicos não descobriram qual a enzima que está com problema e disseram não ter mais nada para fazer.
    No IGin onde foi pesquisado sobre a pompe a D. ana Maria disse que por o exame de pompe ter dado negativo eles não podiam fazer nada.
    Minha filha usa bengala,tem muitas dores ,percebo que cada dia que passa ela consegue fazer menas coisas,seus musculos estão enfraquecendo mais ,agora ela sente que seus braços estão também piorando,anda cada dia com mais dificuldade,sente muitas dores de cabeça e dor no olhos,o médico a proibiu até de tirar carta de motorista alegando que por não conhecer a doença não poderia prever a evolução da mesma,isso agora tem causado grande tristeza nela o que a tem acredito eu feito ela piorar.
    As dores dela são horriveis ,tem dias que ela não aguenta nem levantar da cama,naõ adinta levr para o pronto socorro ,eles a medicam com dipirona,tramal e profenidi mais não resolve ela fica dopada mais ainda com dores ,já me disseram que não adianta levá-la mais ao pronto atendimento.Muitas vezes ela fica toda inchada ,sem poder nem colocar um sapato ,os pés não entram nem no chinelo.
    Estou desesperada ,sem saber o que pode acontecer ,sei que uma doença como essa pode afetar orgãos internos,além dos musculos das pernas e braços ,sei que ela está com muito medo sem saber o que ela realmente tem e o que pode esperar .
    Gostaria muito de saber se vocês podem de alguma forma nos ajudar .Não aguento mais ver ela sentindo tanta dor e não poder fazer nada .As vezes eu não sei se seria melhor ela estar numa cadeira de rodas ,se pelo menos ela não sentisse dores…..
    è angustiante não sabr o que pode acontecer com eles e ver o sofrimento aumentando sem poder fazer nada.
    Por favor me ajudem.

    janainatsei@hotmail.com

    Responder

    1. Poxa Janaina, nem sei o que te falar, quero te ajudar mas não sei por onde, queria ter uma poção mágica pra te dar que aliviasse o desconforto que seus filhos passam, sou mãe e quando li sua mensagem fiquei com o coração bem apertadinho….porque você não tenta leva-los em Ribeirão Preto no Hospital das Clinicas? Lá tem o Dr Charles (geneticista), Dra. Cláudia Ferreira da Rosa Sobreira, entre outros. Foram eles que atenderam a Gabriela e fizeram exames para erros inatos, mitocondriopatia, etc, enfim….tem uma equipe excelente de pesquisadores lá, tenho certeza que eles poderiam te ajudar.

      Responder
  20. Jack Ribeiro

    Boa tarde, gostei bastante da sua pesquisa, estou fazendo um trabalho da faculdade sobre erros inatos do metabolismo, seria possível enviar mais material sobre esse assunto para meu e-mail?
    jack.jerico@hotmail.com

    Abraços.

    Responder
  21. siliane

    meu filho está com suspeita, acredito que tenha EIM, pelos meus estudos. Acontece que ele vem apresentando pioras significativas, como dismotilidades intestinal e dificuldade de urinar, estou desesperada vendo o tempo passar e os médicos aqui do interior não fecharem nada. Vc sabe se depois que passar a fase aguda ainda conseguimos diagnosticar. Imploro uma ajuda…

    Responder

    1. Siliane, como vocês estão? espero que melhor depois do nosso ultimo e-mail. Se precisar de alguma indicação é só me falar. Acredito que o diagnóstico não aconteça apenas na fase aguda não, embora o diagnóstico clinico seja mais ‘fácil’ nesta fase, exames de sangue entre outros acredito que não devem sofrer influências com relação aos picos das doenças. Mas é sempre bom tentar diagnosticar o quanto antes. Boa sorte! beijos Cris

      Responder
  22. Dayanne Araújo de Siqueira

    Cris, boa tarde!
    Se possível, gostaria muito que você enviasse para o meu e-mail mais materiais sobre o assunto. Estou com dúvida em alguns pontos e preciso apresentar um seminário a respeito dos EIM.
    Desde já eu agradeço!

    Responder

    1. Dayanne querida, desculpe a demora no retorno da sua mensagem…acho que já apresentou o seminário né? de toda forma, tudo o que eu tenho sobre o assunto eu já coloquei no blog, não tenho muito mais coisas não, desculpe não poder lhe ajudar! bjos

      Responder
      1. Dayanne Araújo de Siqueira

        Obrigada Cris! O material que peguei no seu blog me ajudou muito e consegui nota máxima no trabalho 😀 Muito obrigada e que DEUS lhe abençoe! Beijos

        Responder
  23. Mirtis pontes fernandez

    Gostaria de receber mais informações dessa síndrome ,obrigads

    Responder
  24. Jonathan

    EU TENHO DOIS FILHOS,UM MENINO E UMA MENINA QUE ESTÁ NA UTI HÁ 25 DIAS, TUDO COMEÇOU COM UMA HIPOGLICEMIA SEVERA, QUE CAUSOU VÁRIAS CONVULSÕES, O DIAGNOSTICO AINDA NÃO FOI FECHADO, ONDE A SUSPEITA É DE EIM OU INSULINOMA.QUERIA POR FAVOR QUE VC ME MANDASSE COISA DESSE TIPO, POR FAVOR, OBRIGADO…

    Responder
  25. luana aragão

    oiii
    gostei muito do seu site e de sua explicação
    poderia mandar seu material para o meu e-mail também
    obrigada!!!

    Responder
  26. Maria Nilza A Fernandes

    Eu, gostei muito do seu artigo, eu também pesquiso e escrevo um artigo sobre erro inato.

    Responder
  27. JOSINALVA

    Boa tarde ,gostei muito desse tema abordado.Atualmente estou preparando um pequeno seminário,onde o tema é sobre intolerância a lactose(erro inato do metabolismo),você poderia me enviar algum arquivo ou material sobre asse assunto,por favor.Desde já agradeço

    Responder
  28. Marcos Antonio Silveira Costa

    Olá, devido a assuntos de bioquímica na faculdade, queria me aprofundar mais no assunto de erros inatos, se puder me disponibilizar artigos,textos para aprofundar meus estudos ficaria muito grato. Obrigado

    Responder
  29. Daniele Ribeiro

    Alguma mãe que more no rio de janeiro com filho com erro inato.. poderiamos conversar?

    Responder
  30. Daniele Ribeiro

    Meu filho é recem nascido e está com suspeita de erro inato..estou muito nervosa, pq a dois anos perdi um com dois meses de vida com está suspeita.

    Poderia mandar para o meu email.. sobre a doença? Gostaria muito de conversar sobre o assunto. Obrigada

    Responder
    1. Marcia

      Boa noite, Daniele. Gostaria muito de trocar informações com você, pois estou passando por uma situação semelhante a sua.

      Responder
  31. Priscilla Danelly

    gostaria de saber se alguem que ja teve dois filhos um menino e uma menina que teve erro inato tem possibilidade deter um filho “normal”.

    Responder

    1. Priscilla, o ideal seria você buscar ajuda de um geneticista…estes assuntos são complexos e sempre precisam de exames mais aprofundados antes de qualquer conclusão. Desculpe não poder ajuda-la. Um abraço, Cris

      Responder
    2. Marjorie

      olhando seu comentario gostaria de saber se eles sobreviveram,pois ja tive 2 bebes e eles nascem vivos e morrem sem diagnostico.

      Responder
  32. Queila Almeida Rios

    Perdi um filho com doença de wolman, gostaria de saber qual a chance de ter outro assim??

    Responder

    1. Queila, tenho receio em te dar uma resposta, pois quando se trata de genética as coisas são mais complexa do que imaginamos. Minha sugestão é que você procure um geneticista, certamente ele poderá lhe orientar com relação a sua dúvida. Um grande abraço, Cris

      Responder

    1. oi Karol, tudo bem? já enviei para seu e-mail tudo que eu tenho sobre EIM. Qualquer coisa me manda um e-mail que vamos nos falando! bjos e boa sorte!

      Responder
      1. Amanda

        MEU FILHO TEM EIM,O EXAME DELE DEU POSITIVO PARA REAÇÃO BENEDICT, SERÁ Q VC PODERIA MANDAR PARA O E MAIL TBM, O QUE VC TEM DE INFORMAÇÃO, ESTOU A PRINCIPIO MUITO ASSUSTADA. DESDE JÁ AGRADEÇO….

        Responder
      1. Gercineide Araujo

        Também gostaria muito de receber de você artigos,textos, trabalhos o que você tiver e puder, pois trabalho com crianças com erros inatos mas não sei muito sobre o assunto. Gostaria de me informar mais. Desde já te agradeço muito.

        Responder

        1. Olá Gercineide, tudo bem? quero muito te ajudar, mas não tenho tantos materiais assim, que tipo de trabalho você faz? assim posso direcionar minha busca e quem sabe conseguir materiais específicos para a sua atividade…ficarei aguardando seu contato! Um grande abraço, Cris

          Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *